Férias de Verão, por Chico Neto


Esta narrativa é ficcional, muito embora a bela cidade de Rosário do Sul exista; a Serra do Caverá, localizada no oeste do RS, com suas histórias e mistérios, seja real; e a lenda do ício Camaco continue povoando o imaginário local. O restante é pura ficção. Se bem que um fato ou outro pode ter acontecido, ou até mesmo vir a acontecer. O que também não é uma novidade, uma vez que, no século XIX, o filósofo Nietzsche já levantava essa hipótese com sua "metáfora do eterno retorno", a qual "considerava haver uma alternância infinita entre as nuanças vividas cotidianamente. Assim, a produção infinita de forças em conflito, disputando espaços nas mais diferentes correntes, originaria um eterno retorno de fragmentos do que já foi vivido".

A história é doce e envolvente, e o espírito de aventura dos personagens cria uma atmosfera tensa e curiosa!

Destaques
Recentes