Autor: Kadosh Ruach, Marcelo Melchiori

Tamanho: 14x21 cm
Capa normal: 84 páginas
Idioma: Português 

ISBN: 9786589695820

Peso: 128 gramas

Jesus e a pedofilia: o calvário do perdão

R$35.00Preço
  • O que você sentiria em seu coração se soubesse que o ditador tirano e perverso, o alemão Adolf Hitler está no Céu caminhando pelas ruas de ouro ao lado de nosso amoroso e misericordioso Senhor Jesus? Você sentiria felicidade ou revolta? A Bíblia nos ensina que com a medida que nós julgarmos, assim também seremos julgados. Pois é! A falta da concessão de perdão nos colocará nas mesmas condições de um criminoso.

     

    Isso é muito forte para você? Por outro lado, ao pecador é dada a oportunidade maravilhosa do arrependimento. A mensagem contundente do maior Profeta nascido de mulher, segundo o próprio Senhor Jesus, João Batista, é: “Arrependei-vos, pois é chegado o Reino de Deus”. O arrependimento verdadeiro e sincero é o elemento indispensável para que o antídoto contra o veneno do pecado faça efeito, o Sangue de Jesus, sabendo que somente o Senhor esquadrinha os corações e enxerga o verdadeiro arrependimento, a estratégia para a salvação é clara.

    No entanto, fica a pergunta: isso é fácil? Divida essa reflexão comigo; remédio amargo de sabor infinitamente saboroso.

  • É formado em Gestão Ambiental e em Desenvolvimento Avançado e Teologia, contudo as melhores aulas da vida se fazem através dos relacionamentos, e isso, o Nosso Pai lhe proporcionou.

    Formou-se posteriormente evangelista no volante de um táxi, depois motorista executivo em vários ministérios do Governo Federal, motorista executivo de várias empresas, motorista particular de centenas de particulares por contratações curtas e esporádicas, bem antes de haver motoristas por aplicativo, depois também fez milhares de viagens como motorista de aplicativo.

    Isso sim é uma faculdade de respeito, relações humanas profundas, pós-graduação em evangelismo com o Mestre o tempo todo presente exclusivamente.

    Na condução de um divã automotivo, ouviu mágoas, rancores, traumas, tristezas, conflitos, sonhos, alegrias, sempre com amor e sigilo, a todo tempo em um triálogo de amor: passageiro, Jesus e motorista, muitas vezes conduzindo uma infinidade de pessoas sedentas de perdão e de perdoar, derramando muitas lágrimas como alívio.